Noticias

27/11/2019 - Presidente do IACE participa da abertura IV Semana de Agronegócio em Jaguaruana

A presidente do Instituto Agropolos do Ceará (IACE), Ana Teresa de Carvalho, participou da cerimonia de abertura da IV Semana de Curso Técnico em Agronegócio, nesta quarta-feira (27/11), no município de Jaguaruana. O evento está sendo realizado por meio da Escola Estadual de Educação Profissional Francisca Rocha Silva e reúne estudantes, professores, diretores, coordenadores, técnicos e convidados.

 

A iniciativa tem como objetivo principal fomentar a discussão acerca da inovação tecnológica e da sustentabilidade ambiental do agronegócio. Para a gestora, a tecnologia semeou uma revolução no campo e transformou a agricultura brasileira. “No Ceará, nós estamos trabalhando para fortalecer e valorizar o meio rural, levando capacitação para esses jovens, que antes precisavam sair da região em busca de conhecimento e oportunidade”.

 

AGRO É TECH

 

Pela manhã, a técnica Marli Araújo (foto) participou de mesa redonda sobre Aquicultura. A colaboradora do IACE falou sobre biotecnologia e economia circular. “O foco desse nosso momento foi a inovação tecnológica, por meio de técnicas de reuso de água, bioflocos, policultivo, beneficiamento e processamento do pescado. Além disso, discutimos a possibilidade de implantação da aquicultura junto aos agricultores familiares e pescadores artesanais”.

 

Já a colaboradora Cladelice Rosa (foto) ministrou palestra sobre a produção animal e falou sobre a busca de novas tecnologias com o objetivo de maximizar a produtividade. “Muitas possibilidades são geradas quando se trata desse manejo que inclui ovinos, caprinos, aves e diversos produtos, inclusive. Por isso, é importante uma boa análise, por parte de técnicos e de produtores, do que é mais rentável de acordo com cada realidade”.  

 

AGRO É POP

 

Para a estudante Helloá Valente (foto), o agronegócio é um campo de oportunidades, investimento e desenvolvimento. “É uma atividade muito ampla, que vai desde a produção rural até a comercialização desses produtos. Aqui na escola mesmo, vamos abrir um curso de fruticultura no próximo ano, que é uma demanda que está crescendo muito no Ceará. Em Jaguaruana, por exemplo, temos a maior produtora de acerola orgânica do mundo”.

 

Ricardo Barreto (foto), que faz parte da comissão organizadora de alunos, também comemora a nova opção de capacitação do município. “Daqui saímos preparados para ingressar no mercado de trabalho ou seguir para a universidade. A gente escolhe o caminho que quer seguir”, conclui.

 

 

 

ASCOM Instituto Agropolos do Ceará.

Comentar