Noticias

03/08/2021 - IACe capacita produtores beneficiados com tanques de resfriamento de leite

O resfriamento do leite de cabra, imediatamente após a ordenha, traz muitos benefícios, uma vez que inibe o crescimento de microrganismos que alteram as características de qualidade do leite, reduz custos com produção, aumenta o poder de negociação dos produtores e ainda garante um sabor mais agradável.

No Ceará, para tornar o pequeno produtor mais autônomo dentro da cadeia produtiva do leite de cabra, a Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Estado (SDA) recrutou a técnica do Instituto Agropolos do Ceará (IACe), Trícia Ferreira, para levar orientações sobre os procedimentos de ordenha das cabras adultas para os produtores rurais da Associação dos Caprinocultores de Banabuiú.

O município fica na região do Sertão Central, que foi beneficiada com a instalação de quatro tanques de resfriamento de leite de cabra nas comunidades de Lagoa da Serra, Boa Água, Milagres e Campina do Boqueirão. De acordo com Trícia, os produtores precisavam de ajuda para aumentar a produtividade e garantir a revitalização dos tanques.

“Cada um desses equipamentos tem capacidade para armazenar até mil litros de leite, mas estavam sendo subutilizados. Essa visita de assistência técnica aconteceu para ajudar esses produtores a conseguirem o máximo de aproveitamento da tecnologia. Antes, eles só estavam conseguindo abastecer um tanque com 250 litros”, explica.

Ainda de acordo com a tecnóloga em agronegócio, é importante destacar que a ordenha será realizada por produtoras mulheres. “Por se tratar de um animal de porte pequeno, facilita o manejo. Além disso, inserir essas mulheres nessa cadeia é muito importante para garantir uma renda a mais para essas famílias".

Comentar